Notícias

Último morador em situação de rua aceita apoio

Último morador em situação de rua aceita apoio

O último morador em situação de rua, que estava em Engenheiro Coelho, aceitou receber apoio da Secretaria de Ação Social. Ele estava utilizando o barracão da feira como moradia.
Durante a semana, com a notícia que uma massa de ar frio atingiria toda a região, a Secretaria de Ação Social, através do serviço de assistência social, iniciou o trabalho de abordagem dessas pessoas. Um local chegou a ser preparado para servir de abrigo durante a noite. Porém, apesar do risco iminente, ninguém pode ser retirado das ruas contra a sua vontade.
De todas as pessoas abordadas, apenas um homem ainda resistia e não queria receber nenhum tipo de apoio. Mas, nessa sexta-feira, ao ser questionado novamente, ele disse que queria ajuda. O homem passou por consulta médica, psiquiátrica e foi conduzido para uma clínica de reabilitação. Ele sentiu confiança no trabalho realizado pela assistência social e decidiu receber apoio. Os familiares dele, que moram na Grande São Paulo, foram contatados.
A secretária da pasta, Madalena Soares, disse que, ‘a decisão desse homem, em receber o apoio da prefeitura, mostra que nosso trabalho está sendo bem executado. Apesar do risco iminente, nós não podemos obrigar ninguém a sair da situação de risco nas ruas’.
Os outros moradores, que estavam em situação de risco, já haviam decidido receber apoio e foram encaminhados para instituições assistenciais ou voltaram para junto da família.

Será que eu estou com Dengue Doutor?

A Juliana chegou ao consultório médico totalmente abatida – tadinha, estava muito mal! JULIANA: “Doutor, todo o meu corpo está ...